Notícias

Livraria virtual da Apple já tem mil livros em português
23/10/2012

 

Por enquanto, obras estão "escondidas", mas já é possível comprá-las

 


E-books de selos brasileiros começaram a entrar na iBookstore no começo do mês; abertura não é oficial

DE SÃO PAULO

Nenhum anúncio oficial foi feito ainda, mas a Apple começou a vender títulos em português, de editoras brasileiras, na iBookstore, sua loja virtual de livros para tablets e celulares.


Um levantamento feito pela Folha mostra que mais de mil livros em português já estão disponíveis no acervo da loja on-line.


Os preços são em dólares, mas é possível comprar com cartão de crédito brasileiro.


Segundo a Folha apurou, os e-books de selos brasileiros começaram a entrar na iBookstore no começo do mês.


São títulos como "Cinquenta Tons de Cinza", da Intrínseca, o livro de ficção mais vendido no país atualmente. Ele aparece por US$ 12,99 (cerca de R$ 26) -o mesmo e-book na loja da Livraria Cultura custa R$ 24,90.


A Intrínseca tem cerca de cem títulos na loja, enquanto a Leya conta com mais de 60 e-books.


Outras editoras presentes na iBookstore brasileira são: Arqueiro, com cerca de 50 títulos, incluindo "O Código Da Vinci", de Dan Brown; Novo Conceito, com cerca de 60 títulos, incluindo os best-sellers de Nicholas Sparks "Um Porto Seguro" e "A Escolha"; Record, com cerca de 300 títulos, incluindo "A Queda", de Diogo Mainardi; Objetiva, com cerca de 200 títulos; LP&M, com cerca de 300 títulos; e Simplíssimo, com cerca de 70 títulos.


A Apple havia previsto a estreia da livraria digital para abril deste ano, mas o projeto atrasou alguns meses por questões tributárias.


Anteriormente era possível encontrar apenas livros gratuitos e em inglês para download.


Os livros ainda estão "escondidos" -na página principal da loja, os destaques ainda são títulos norte-americanos gratuitos.


Só é possível encontrá-los usando o sistema de buscas da loja virtual ou clicando em sua lista de mais vendidos.


Fonte: Folha de SP/Mercado