Notícias

Alckmin firma Plano de Mobilidade Urbana com o Governo Federal
25/10/2013

 

Recursos no valor de R$ 5,4 bilhões viabilizarão a expansão das linhas metroviárias

 

Melhorar o transporte na Região Metropolitana de São Paulo foi o objetivo é o objetivo do Plano de Mobilidade Urbana firmado nesta sexta-feira, 25, pelo governador Geraldo Alckmin com a presidenta Dilma Rousseff. Serão investidos mais R$ 5,4 bilhões na construção de trilhos e estações metroferroviárias. "Mais uma boa parceria em benefício da população", destacou Alckmin.

Os recursos serão utilizados expansão da Linha 2-Verde do Metrô, entre Vila Prudente e a Dutra (Guarulhos), e da Linha 9-Esmeralda da CPTM, entre Grajaú e Varginha. Os investimentos também contemplam a construção da nova Linha 13-Jade da CPTM, que vai até o Aeroporto Internacional de Cumbica, e da estação de União de Vila Nova, na Linha 12-Safira, também da CPTM.

"O Brasil transportou no ano passado pelo sistema metroferroviário 2,688 bilhões de passageiros, dos quais 2,032 bilhões só em São Paulo. pela CPTM e pelo Metrô. Nós representamos 77% do transporte metroferroviário do país", enumerou Alckmin. "O metrô é o grande eixo de integração de modais em qualquer sistema de transporte do mundo inteiro", afirmou Dilma.

As obras modernizarão ainda 18 das 90 estações da CPTM, na Linha 7-Rubi (Botujuru, Caieiras, Baltazar Fidélis, Campo Limpo Paulista, Pirituba, Perus e Várzea Paulista), na Linha 10-Turquesa (Guapituba, Ribeirão Pires, Ipiranga, Utinga, Prefeito Saladino e Rio Grande da Serra), na Linha 11-Coral (Antonio Gianetti Neto, Estudantes e Mogi das Cruzes) e na Linha 12-Safira (Itaquaquecetuba e Engenheiro Manoel Feio).

Do Portal do Governo do Estado