Notícias

Sumaré terá faixa para ônibus a partir de hoje
18/11/2013

 

Medida funcionará de segunda a sábado; motofaixa será desativada

 

Trecho reservado aos coletivos passará também pelas avenidas Antártica, Paulo 6º e Henrique Schaumann

DO "AGORA"
DE SÃO PAULO

O corredor formado pelas avenidas Antártica, Sumaré, Paulo 6º e Henrique Schaumann, nos bairros da Água Branca e de Pinheiros (zona oeste de capital), ganha hoje faixas exclusivas para ônibus.

Com a mudança, os 3 km da motofaixa, ao lado do canteiro central do mesmo trecho, deixam de existir.

A nova faixa de ônibus terá 3,9 km de extensão e funcionará de segunda a sexta-feira, das 6h às 20h, e aos sábados, das 6h às 14h.

O percurso vai da rua Barão de Tefé, na região do Parque Antarctica, até a rua Cardeal Arcoverde, próximo ao Cemitério São Paulo.

Segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), a motofaixa será desativada porque não representou um aumento na segurança dos motociclistas.

Desde a sua criação, em 2006, o número de acidentes com vítima envolvendo motocicletas cresceu 152% na Sumaré e na Paulo 6º, segundo dados da companhia.

Os motoristas que invadirem a faixa reservada aos coletivos estão sujeitos à multa de R$ 53,20 e à perda de três pontos na carteira.

Até 2 de dezembro, porém, a fiscalização será apenas educativa, sem punição.

OUTRAS FAIXAS

Serão inauguradas hoje outras três faixas exclusivas.

Na Barra Funda (zona oeste), a avenida Senador Auro Soares de Moura Andrade e a rua Mário de Andrade reservarão 1,2 km para os ônibus, das 6h às 20h de segunda a sexta e até as 14h de sábado.

No mesmo horário, uma faixa de 1,8 km será implantada na avenida Zaki Narchi, na zona norte.

Na Radial Leste, haverá ampliação da faixa em 300 metros. Das 10h às 23h, os coletivos terão exclusividade na rua Melo Freire, entre Monte Serrat e Francisco Marengo - apenas no sentido bairro.

Folha de S. Paulo