Notícias

São Paulo define metas de bônus para policiais
20/01/2014

 

Projeto de Lei que institui a bonificação por resultados foi enviado em dezembro à Assembleia Legislativa

 

Foram divulgadas nesta segunda-feira, 20, as metas de redução da criminalidade referentes pelas polícias Militar, Civil e Técnico-Científica de São Paulo. O objetivo é reduzir a incidência de roubos e furto de veículos, roubos em geral e crimes contra a vida.

Para roubos em geral, a meta é limitar as ocorrências a 57.384 em todo o Estado. No indicador de roubos e furtos de veiculos, a meta pretende limitar o número de ocorrências a 50.710. Para as vítimas de letalidade violenta, o objetivo é alcançar no primeiro trimestre um número máximo de 1.277 vitimas.

Os policiais receberão bonificação à medida em que as metas forem atingidas. "O bônus poderá chegar a R$ 8 mil por ano por policial. Isto estimula o trabalho em equipe. As metas são definidas anteriormente. Isto dá objetividade ao trabalho da policia, todo mundo sabe a meta que tem que cumprir, e quem vai ganhar com isso é a sociedade," explicou Alckmin.

As regras e parâmetros para a definição das metas e para o pagamento dos bônus foram detalhadas em um seminário realizado para cerca de dois mil gestores das três policias. No evento, foi possível aprofundar o conhecimento do programa, que já tem sido apresentado em eventos regionais.

O Projeto de Lei que institui a bonificação por resultados foi enviado em dezembro à Assembleia Legislativa de São Paulo e, após aprovado, terá seus efeitos retroativos a janeiro deste ano. O programa tem o objetivo de reduzir os índices de criminalidade e é baseado em um modelo de gestão desenvolvido em conjunto pela Secretaria da Segurança Pública, o comando das polícias e o Instituto Sou da Paz.

Do Portal do Governo do Estado