Notícias

No Dia da Mulher, São José dos Campos recebe carreta para realização de mamografias
08/03/2014

 

Cidade é a primeira do interior a receber uma unidade móvel do programa Mulheres de Peito

 

Na data em que é celebrado o Dia Internacional da Mulher, 8 de março, o governador Geraldo Alckmin entregou, em São José dos Campos, a quarta carreta do programa Mulheres de Peito, iniciativa que tem o objetivo de ampliar o acesso e incentivar as mulheres a realizarem exames preventivos de mamografia.

Na ocasião, o governador ressaltou a importância da realização de exames para garantir a detecção precoce do câncer de mama. "O maior vilão da saúde das mulheres é o câncer de mama, que é uma doença curável, mas que precisa ser diagnosticada no início para ser tratada corretamente e rapidamente”, afirmou. “Pelo programa Mulheres de Peito não é preciso nem ter pedido médico. Se a mulher tiver algum indício de problema, já pode fazer os exames e, caso constatado qualquer problema, ela é encaminhada para o tratamento", explicou.

O programa prevê a utilização de quatro carretas-móveis e um caminhão adaptado para percorrer os municípios paulistas, incluindo locais distantes onde o exame não é oferecido, para a realização gratuita do procedimento. A previsão é que, por meio das unidades móveis, cerca de 60 mil mamografias a mais sejam realizadas por ano. No total, o investimento do governo do Estado será de R$ 14 milhões.

Atendimento

As carretas onde os exames de mamografia serão realizados irão funcionar de segunda à sexta-feira, das 9h às 20h, e aos sábados, das 9h às 13h. O resultado sairá em até 48 horas após a realização do procedimento.

Para as mulheres entre 50 e 69 anos de idade, não haverá necessidade de pedido médico de mamografia para a realização do exame nas unidades móveis. Pacientes fora dessa faixa etária também poderão realizar os exames, mas deverão ter em mãos um pedido médico, que pode ter sido emitido tanto pela rede pública quanto particular.

Neste mês é a vez das aniversariantes de março agendarem a mamografia sem necessidade de pedido médico. Esta primeira fase do programa é destinada a quem nasceu em ano par, mas caso a mulher tenha nascido em ano ímpar e esteja há mais de dois anos sem fazer o exame, também poderá fazer o agendamento no mês de seu aniversário, ainda este ano.

As mulheres nascidas em ano ímpar e que realizaram o exame recentemente terão a oportunidade agendar a mamografia no próximo ano, também no mês do aniversário.

Do Portal do Governo do Estado