Notícias

Mantega diz que tributo sobre bebidas será menor
15/05/2014

 

DO "VALOR" - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse, durante audiência na Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira (14), que o governo fará uma correção na tributação de bebidas frias em três meses, mas que o novo valor será inferior ao proposto inicialmente.

O adiamento do aumento dos impostos sobre a cerveja e outras bebidas frias, como isotônicos e energéticos, foi anunciada nesta terça-feira (13). Os impostos serão reajustados a partir do dia 1º de setembro.

Mantega disse que fez um pacto com o setor de forma que o adiamento na correção do imposto virá acompanhado da manutenção de investimentos e empregos, além do compromisso de não aumentar preços. O ministro disse que a decisão do governo foi tomada à luz do dia.

Segundo ele, como a tributação não foi corrigida por dois anos, o aumento agora acabou ficando muito elevado, e num momento em que, de acordo com Mantega, o setor fatura menos.

Folha de S. Paulo