Notícias

Pagamento de dívida com o FGTS de até R$ 50 mil é facilitado
11/06/2014

 

Teto anterior para negociação extrajudicial era R$ 20 mil; parcelamento será em 60 vezes

 

DE BRASÍLIA

O governo federal ampliou seu programa de parcelamento e incentivo ao pagamento de dívidas com o FGTS, permitindo agora que contribuintes com dívidas de até R$ 50 mil possam negociá-las extrajudicialmente.

Desde o ano passado, o governo abriu essa possibilidade, mas para empresas com dívidas de até R$ 20 mil, que são poupadas de um processo judicial de cobrança.

O programa expandido está em vigor desde a última sexta-feira (6), quando a portaria, assinada pela Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, foi divulgada.

A norma define que essas dívidas terão desconto de 50% nos encargos legais --taxas para gerenciamento--, e poderão ser parceladas em até 60 vezes.

Segundo a procuradora da Fazenda Anelize de Almeida, o estoque dessas dívidas de até R$ 50 mil somam R$ 90 bilhões.

Dos contribuintes devedores, 3,2 milhões são empresas e 1,2 milhão, pessoas físicas.

A expectativa de recuperação é de 15% desse crédito, ou seja, R$ 13,5 bilhões, tomando em conta os resultados atingidos até agora.

Há um ano o programa especial de parcelamento das dívidas ao FGTS funciona para dívidas de até R$ 20 mil.

O nível de recuperação saltou de 1,5% para 15%, segundo a procuradora.

Folha de S. Paulo