Notícias

Aprovado PL que proíbe uso da bala de borracha
06/12/2014

 

Da assessoria do deputado João Paulo Rillo

Para o líder da Bancada do PT, João Paulo Rillo, esta é uma vitória histórica dos movimentos sociais. “Trata-se de um grande avanço na consolidação do nosso estado democrático de direito. É preciso enfrentar a criminalização dos movimentos sociais, garantindo que as pessoas tenham o direito de se manifestar sem correr o risco, como aconteceu em diversos casos nos últimos anos, de serem atingidas por uma bala que lhes custe a visão ou coisa pior”, afirmou Rillo.

Na justificativa do projeto, os parlamentares petistas lembram das várias pessoas atingidas por esse tipo de munição durante as manifestações de junho e que sofreram ferimentos graves.

Agora, o PL será encaminhado para sanção ou veto do governador Geraldo Alckmin, que terá 15 dias úteis para dar seu parecer.

No próximo dia 9, será realizado um debate na Assembleia Legislativa sobre o tema, com o objetivo de apoiar a aprovação do projeto e garantir que o mesmo não seja vetado pelo governador.

DOE, Legislativo, 06/12/2014, p. 3