Notícias

Motoristas têm até 1º/4 para instalar novo extintor
07/01/2015

 

Prazo foi definido nesta 3ª pelo Contran

 

DE SÃO PAULO

O Contran (Conselho Nacional de Trânsito) estabeleceu nova data para os motoristas trocarem o extintor de incêndio para o modelo "ABC", que controla fogo em estofados, tapetes e painéis: 1º de abril.

O prazo para a troca havia vencido em 1º de janeiro, mas foi suspenso pelo novo ministro das Cidades, Gilberto Kassab, em razão da dificuldade de motoristas encontrarem o novo modelo de extintor.

A obrigatoriedade é pouco eficaz do ponto de vista da segurança do trânsito, disse à Folha Marcelo Alves, professor do Centro de Engenharia Automotiva da Poli-USP.

"Em muitos países, o entendimento é o de desenvolver um veículo para evitar que o incêndio se inicie e, se o fogo começar, que ele não se propague." Na França, por exemplo, o extintor não é exigido.

A medida atinge principalmente carros fabricados até 2009. No Estado de São Paulo, mais de um terço da frota registrada está nessa situação.

A partir de 1º de abril, quem não tiver o novo extintor fica sujeito a multa de R$ 127,69 e a perda de cinco pontos na carteira de habilitação.

Alves diz ainda que a situação --e a correria para comprar o produto-- se assemelha à exigência do kit de primeiros socorros, adotada em 1998 e revogada no ano seguinte.

A Folha pediu ao Corpo de Bombeiros o número de incêndios em automóveis em 2012, 2013 e 2014, mas não teve resposta até a conclusão desta edição.

Folha de S. Paulo