Notícias

Sabesp prevê 20 mil recursos por mês contra taxa
09/01/2015

 

DE SÃO PAULO

A Sabesp espera receber cerca de 20 mil pedidos mensais de revisão de contas, após a implantação da sobretaxa para aqueles que aumentarem o consumo de água.

O atendimento é feito presencialmente nas 64 unidades da empresa na Grande São Paulo e o resultado poderá sair na hora.

Segundo a empresa, caso já fosse válida, cerca de 440 mil consumidores estariam enquadrados na sobretaxa.

Os casos de revisão podem ser feitos, por exemplo, se uma família cresceu desde dezembro de 2013. Nesse caso, o cliente deve levar certidões de nascimento ou de casamento que comprovem a alteração de padrão de uso de água.

Se o cliente tiver mudado de imóvel, deve levar contratos de locação ou de compra. Comerciante que tenham seus estabelecimentos ampliados podem também levar contas antigas de consumo de água.

O cliente deve levar ainda documentos pessoais (RG/CPF) e a última conta de água.

Entidades de defesa do consumidor falam na possibilidade de "avalanche de recurso".

"Muito nos preocupa se o funcionário da Sabesp estará preparado para o volume de atendimento, que deve ser grande", disse Claudio Thadeu de Oliveira, do Idec.

A Sabesp disse que colocará em seu site, a partir desta sexta (9), um manual sobre recursos de contas.

Folha de S. Paulo