Notícias

Assembleia vai transformar estudos acadêmicos da USP em projetos de lei
16/09/2015

 

Espaço da universidade no Palácio 9 de Julho será destinado a exposições históricas e científicas

 

A Assembleia vai receber as dissertações de mestrado, teses doutorado e as pesquisas científicas da Universidade de São Paulo para, depois de análise, traduzi-las em projetos de lei ou em ações concretas junto ao Poder Executivo. Além disso, será instalado no Palácio 9 de Julho o Espaço USP, destinado à realização de exposições do acervo histórico e científico da universidade.

Para isso, serão assinados dois convênios entre as instituições: um técnico-científico e um técnico-cultural. A parceria foi concebida na última quinta-feira, 10/9, quando o presidente da Assembleia, Fernando Capez, recebeu o reitor da Universidade de São Paulo, Marco Antonio Zago.

Na ocasião, o reitor reafirmou o compromisso da USP com a população: “A USP é uma instituição do povo paulista, entre as suas missões está exatamente a de ouvir a sociedade, e ninguém representa melhor a sociedade do que a Assembleia Legislativa na pessoa de seu presidente”.

Capez garantiu que a Casa disponibilizará servidores do Núcleo de Ações Estratégicas (NAE) para organizar e monitorar os eventos no Espaço USP. “É importante tornar concreto o projeto de transformar a Assembleia em um centro cultural”, afirmou.

Com relação aos projetos de lei baseados em estudos acadêmicos, o presidente da Frente Parlamentar de Empreendedorismo, Itamar Borges (PMDB), elogiou a iniciativa da Presidência. “Este é mais um dos atos da Assembleia Legislativa que nós temos de destacar. O presidente Capez está buscando construir projetos de autoria coletiva junto às comissões temáticas da Casa, e isso tem gerado contribuições efetivas para o Estado”.

DOE, Legislativo, 16/09/2015, p. 1