Notícias

Lei autoriza terapia para mulheres com câncer de mama
08/12/2015

 

O Projeto de Lei 807/2008, que autoriza o governo do Estado a conceder terapia em grupo para mulheres com câncer de mama, foi sancionado nesta segunda-feira, 7/12, pelo governador Geraldo Alckmin.

De autoria do deputado Fernando Capez (PSDB), a agora Lei 16.045/2015 prevê que esse atendimento seja feito nas unidades de saúde do Estado.

Em um estudo realizado e divulgado pela Ohio State University, constatou-se que a terapia psicológica em grupo ajuda mulheres portadoras de câncer de mama não somente a lidarem melhor com a doença como também a viverem mais.

Em 2008, ao tomar conhecimento dessa pesquisa e visando dar maior proteção à saúde das mulheres portadoras do câncer de mama, Capez apresentou a propositura ora sancionada.

Capez afirma que “a terapia em grupo para mulheres que têm ou tiveram câncer de mama se faz necessária, pois, além de estarem doentes, na maioria dos casos, essas pessoas sofrem com a mastectomia, que, evidentemente, afeta a vaidade e seu psicológico”.

A pesquisa da Ohio State University concluiu que, das 227 mulheres com câncer que se submeteram ao estudo, aproximadamente metade participou de terapia em grupo. Após 11 anos, as que fizeram terapia tiveram 56% menos chance de morrerem com a doença, apresentando, ainda, 45% menos reincidência da doença.

DOE, Legislativo, 08/12/2015, p. 4