Notícias

Seguro Rural recebe R$ 20 milhões do governo paulista em 2016
25/04/2016

 

Recurso é destinado às modalidades agrícola, pecuária, florestal e aquícola, e tem limite de R$ 24 mil por produtor rural

 

Importante medida para os produtores rurais, o Seguro Rural recebe R$ 20 milhões do Governo do Estado de São Paulo, disponíveis via Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista - o Banco do Agronegócio Familiar (Feap/Banagro), programa executado pela Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento. De acordo com a Feap, o recurso pode ainda ser complementado, caso seja necessário.

Serão beneficiadas as modalidades agrícola, pecuária, florestal e aquícola. Além disso, a medida é feita a fundo perdido, ou seja, não precisa ser paga. O aporte tem limite de R$ 24 mil por produtor rural.

O dinheiro do governo paulista pode ser usado para complementar o recurso do governo federal, que cobre 45% do prêmio. Isso quer dizer que em uma apólice de R$ 10 mil, por exemplo, R$ 4.5 mil são pagos com recurso federal. Dos R$ 5.5 mil restantes, 50%, ou seja, R$ 2.750, podem ser liquidados com a verba estadual. Dessa forma, o produtor arca com apenas 27,5% da dívida.

A apólice pode ser feita em corretoras de seguro ou nas agências do Banco do Brasil. Desde seu início, no Ano Agrícola 2003/2004, o Seguro Rural estadual recebeu 87.315 solicitações de subvenção, somando mais de R$ 157 milhões – média de R$ 2 mil por produtor.

Ampliação do benefício se estende à criação de búfalos e outras espécies
Outra ação voltada às atividades cobertas pelo Seguro Rural amplia o benefício para a bubalinocultura (criação de búfalos) e para as espécies florestais nativas e exóticas na atividade florestal. Antes, a cobertura estava disponível apenas para culturas de eucalipto e seringueira.

Para mais informações, acesse o site da Secretaria de Estado de Agricultura e Abastecimento.

Do Portal do Governo do Estado