Notícias

No Dia do Oftalmologista, conheça o maior programa de saúde ocular de SP
07/05/2016

 

Idosos com mais de 60 anos operados de catarata pelo SUS vão receber gratuitamente lentes monofocais

 

São Paulo conta com o maior programa de oftalmologia da história da rede pública do estado, o "Vale a pena ver". Com investimento anual de R$ 12,6 milhões (anunciado em novembro de 2015), o projeto prevê a entrega gratuita de lentes monofocais para pacientes com mais de 60 anos de idade que passaram por cirurgia de catarata em serviços do SUS (Sistema Único de Saúde).

"Normalmente o paciente é operado, tira o cristalino que está opaco, coloca uma lente e depois pode precisar de um óculos, geralmente para ler de perto. E às vezes o paciente não tem condições. Então, além da cirurgia, daremos os óculos. Estamos começando pela cidade de São Paulo, depois Região Metropolitana e finalmente interior do estado", explicou o governador Geraldo Alckmin.

Na primeira fase serão distribuídos cerca de 10.000 óculos para pacientes submetidos a cirurgia de catarata nos serviços da Secretaria de Saúde localizados na capital e Região Metropolitana da Grande São Paulo.

As unidades integrantes do projeto nesta primeira etapa são o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, Ambulatório de Especialidades Várzea do Carmo, Hospital Geral de Taipas, Hospital de Transplantes do Estado e AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades) Maria Zélia e Heliópolis na capital paulista.

Também participam do projeto, na Grande São Paulo, os hospitais estaduais de Itapecerica da Serra, Cotia, Carapicuíba e Santo André, além do Hospital Padre Bento (Guarulhos), Hospital Geral de Pirajussara (Taboão da Serra) e os AMEs Santo André e Mauá. A proposta é expandir gradativamente a iniciativa para todas as demais regiões do estado.

Como vai funcionar?

Após passar pela cirurgia de catarata, os pacientes idosos que tiverem a prescrição médica de óculos poderão escolher, na própria unidade de saúde ou local a ser indicado, a armação de sua preferência, entre 30 opções disponíveis.

O pedido será encaminhado à pasta e, assim que os óculos estiverem prontos, serão enviados, via Correio, para a casa do paciente.

Do Portal do Governo do Estado