Notícias

São Paulo terá operação especial de transporte durante Jogos Olímpicos
20/07/2016

 

Entre os dias 3 e 19 de agosto, São Paulo será a sede de dez partidas dos torneios de futebol feminino e masculino nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Para facilitar a chegada do torcedor à Arena Corinthians, a Secretaria dos Transportes Metropolitanos preparou operação especial de mobilidade desenvolvida em conjunto entre as quatro empresas do sistema metroferroviário que cobrem a Região Metropolitana de São Paulo: CPTM, Metrô, EMTU e Via Quatro.

O estádio está localizado a menos de um quilômetro da Estação Corinthians-Itaquera do Metrô, o que faz do transporte coletivo a melhor opção para quem for acompanhar as partidas. Nos dias de jogos, o esquema especial de transporte será acionado três horas antes da primeira partida (nos dias 3, 6 e 10 de agosto haverá rodadas duplas de jogos).

Trem – Como ocorreu durante a Copa do Mundo 2014, na Linha 11–Coral da CPTM, o Via Expresso partirá da Estação da Luz direto para a Estação Corinthians-Itaquera, sem paradas intermediárias. O trem seguirá da plataforma 4, e o percurso será feito em aproximadamente 19 minutos, com saídas programadas a cada oito minutos. Nos dias 10 e 12 de agosto (quarta-feira e sexta-feira, respectivamente), nos quais os jogos começarão às 19 horas, o Via Expresso funcionará a partir das 14 horas. A plataforma 3 continuará com o serviço local. Também será mantido o serviço Expresso Leste na Linha 11–Coral, com trens saindo da Estação da Luz e que farão paradas no Brás, Tatuapé e Corinthians-Itaquera.

O torcedor que optar ir de Metrô terá à disposição a Linha 3–Vermelha, com trens operando desde a Estação Palmeiras-Barra Funda até a Estação Corinthians-Itaquera, bem como a Linha 4–Amarela (operada pela concessionária Via 4), que atende à região da Avenida Paulista, onde se localizam os principais hotéis da cidade. Por essa linha é possível fazer integração, na Estação da Luz, para o Via Expresso (na Linha 11–Coral da CPTM), e na Estação República, para a Linha 3–Vermelha do Metrô. A tarifa unitária no sistema metroferroviário é de R$ 3,80. Para os usuários do Bilhete Único (sistema metroferroviário + ônibus da capital/ SPTrans), a tarifa é de R$ 5,92.

A EMTU disponibilizará uma linha especial do Airport Bus Service, com saída do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, até o estádio. Os veículos são equipados com ar-condicionado, wi-fi, poltronas reclináveis, e o preço de cada trajeto é de R$ 45. Além disso, a linha de ônibus circular 257 (que parte do Terminal 2) liga o Aeroporto Internacional de São Paulo à Estação Tatuapé do Metrô. A tarifa é de R$ 5,55 por trecho.

Ao término dos jogos, toda a operação será monitorada por até duas horas; depois desse período o serviço voltará gradualmente à normalidade. A segurança nas estações e terminais será garantida por um efetivo de mais de 5 mil homens da CPTM e do Metrô.

Comunicação visual – Todas as estações, especialmente as consideradas prioritárias para os passageiros fazerem a transferência ao se dirigirem ao estádio, receberão comunicação visual apropriada, com indicações sobre o melhor percurso para a Arena Corinthians. Além disso, a partir de hoje tem início uma campanha com vinhetas que serão divulgadas nos trens (TV Minuto) e também nas redes sociais.

A ideia, de acordo com André Gutierrez – representante da Secretaria dos Transportes Metropolitanos no Comitê Paulista dos Jogos Olímpicos Rio 2016 –, é que tanto o torcedor quanto o visitante e passageiro usual tenham acesso a todas as orientações de como chegar ao estádio, independentemente do ponto da rede de transporte da cidade em que ele esteja. “Todas as ações foram tomadas sem ignorar que a cidade estará operando normalmente nos dias úteis, uma vez que muitos jogos serão realizados em horário comercial. Por isso, temos de estar preparados para atender às necessidades de todos.”

Para facilitar a viagem em dias de jogos, a secretaria aconselha os usuários que adquiram antecipadamente as passagens de ida e volta e respeitem as orientações dos funcionários. Outra recomendação é evitar ir de carro ao estádio. Haverá um bloqueio parcial no sistema viário no bairro de Itaquera – menor do que o que foi feito durante a Copa do Mundo, restrito ao entorno da Etec e da Fatec de Itaquera e do pátio de operações do Metrô. Os moradores da região, no entanto, não serão afetados.

DOE, Executivo I, 20/07/2016, p. I