Notícias

Servidores estaduais passam a contar com cartão de crédito consignado
17/08/2016

 

A operação beneficia diretamente 1,05 milhão de funcionários que podem trocar dívidas de cartão de crédito e migrar para juros mais baratos

 

Desde a segunda-feira passada (15), os servidores públicos estaduais passaram a ter acesso a um cartão de crédito consignado, que permite abater em folha de pagamento despesas e saques realizados. A operação está prevista na Resolução SF 55 da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo. De acordo com a medida, os bancos habilitados devem fornecer os cartões consignados gratuitamente, sem cobrança de taxas de adesão e anuidade.

A novidade permite aos servidores estaduais contrair empréstimos consignados com limite de até 35% de seus vencimentos. Esta margem pode ser ampliada em até 5%, desde que o valor correspondente seja utilizado para amortizar despesas ou saques de cartão de crédito. Serão beneficiados diretamente 1,05 milhão de funcionários públicos estaduais que passam a ter a opção de trocar uma dívida com juros mais caros e migrar para juros mais baratos, com desconto em folha de pagamento.

Consultas

Simulações de operação de crédito, com o ranking das melhores condições disponíveis, podem ser feitas por meio do Portal do Consignado. O sistema de acesso exclusivo ao servidor público estaual também permite consultar a margem consignável disponível e a taxa do “custo efetivo total” praticada pelos bancos.

O portal foi instituído por convênio firmado pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Fazenda, com a Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) e a Câmara Interbancária de Pagamentos (CIP).

Do Portal do Governo do Estado