Notícias

Instituto do Coração do HC terá novo prédio para emergências
18/05/2012

 

Obra foi anunciada na abertura de mostra sobre Euryclides Zerbini

 

DE SÃO PAULO

O Incor (Instituto do Coração do HC da Faculdade de Medicina da USP) terá um novo prédio para atendimento de emergências.


Serão R$ 38 milhões investidos na construção do terceiro bloco do instituto. As obras devem começar no segundo semestre e terminar em meados de 2015, segundo a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.


Outros R$ 16 milhões serão usados para reformar instalações já existentes e comprar equipamentos, entre eles um novo tomógrafo.


O prédio terá seis andares e será usado para atendimento de emergência e para as pesquisas do instituto.


Entre os equipamentos da nova emergência estarão salas para ecocardiograma, ultrassom e raio-X, com acesso rápido entre os setores de diagnóstico e o centro cirúrgico e de internação.


O anúncio dos investimentos foi feito ontem, na abertura de uma exposição sobre o professor Euryclides de Jesus Zerbini, médico que realizou o primeiro transplante de coração da América do Sul, em 1968.


Nascido em Guaratinguetá, em 1912, Zerbini foi um dos fundadores do Incor, aberto em janeiro de 1977.


A mostra exibirá equipamentos como a primeira máquina de circulação extracorpórea feita no Brasil, na década de 1950. Documentos e fotos de Zerbini também compõem a exposição, aberta ao público no próprio instituto.


Será exibido lá o documentário "O Primeiro Transplante de Coração", sobre a cirurgia feita por Zerbini e sua equipe, cinco meses depois da primeira operação do tipo, na África do Sul. O cirurgião morreu em 1993.


EXPOSIÇÃO
QUANDO seg. a sex., das 8h às 18h, até 17 de junho
ONDE av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 44, Cerqueira César, SP
QUANTO entrada gratuita


Fonte: Folha de S.Paulo/Ciência+Saúde