Notícias

Repasse do Governo de SP garante almoço a R$ 1 no Bom Prato
26/09/2016

 

Subsídios para as entidades gestoras do projeto será de 10,09%

 

A fim de reafirmar o compromisso de manter o funcionamento do Bom Prato com alta qualidade e baixo custo ao consumidor, o governo estadual anuncia o repasse de 10,09% às entidades gestoras do programa. Em valores isso significa mais de R$7,1 milhões de reais.

Com isso, o valor repassado pelo governo passará de R$ 4,81 para R$ 5,19 para o almoço e de R$ 1,53 para R$ 1,63 para o café da manhã para as entidades gestoras. Para a população, o valor do almoço a R$ 1,00 e o café da manhã a R$ 0,50 permanecerá o mesmo.

"Em São Paulo a prioridade são aqueles em situação de maior vulnerabilidade e os programas de segurança alimentar são fundamentais para a saúde e a garantia de direito dos paulistas", disse Floriano Pesaro, secretário do Desenvolvimento Social.

O reajuste foi calculado levando em conta a inflação acumulada nos últimos doze meses (com base no Dieese, IPCA e IGPM).

Balanço

Atualmente a Secretaria de Desenvolvimento Social, responsável pelo programa Bom Prato, mantém convênios com 41 entidades que gerenciam 51 restaurantes. São 22 localizadas na Capital, oito na Grande São Paulo, seis no litoral e 15 no interior. A rede de restaurantes Bom Prato serve diariamente mais de 84 mil refeições.

Portal do Governo do Estado