Notícias

Tribunal de Contas de SP passa a transmitir sessões de julgamento ao vivo pelo Youtube
8/10/2016

 

Iniciativa amplia as possibilidades de interação com cidadãos e jurisdicionados e permite a visualização em alta qualidade e em tempo real por meio de tablets e smartphones.

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) realizou, na quarta-feira (5/10) às 10h00, por meio de seu canal oficial no Youtube, a primeira transmissão ao vivo de uma sessão ordinária do Tribunal Pleno. A partir de terça-feira (11/10), todas as sessões passarão a ser transmitidas e poderão ser acessadas por meio do link: www.youtube.com/tcespoficial.

A iniciativa amplia as possibilidades de interação com cidadãos e jurisdicionados, os quais passam a ter mais um canal de comunicação para acompanhar as atividades desenvolvidas pela Corte de Contas paulista. O novo recurso ainda permite a visualização de vídeos em alta qualidade e em tempo real por meio de tablets e smartphones.

O Canal do TCESP no Youtube foi recentemente reformulado para facilitar a navegação por categorias e conta atualmente com mais de 800 inscritos, que recebem notificações de novos vídeos publicados e que passarão a receber, a partir de terça-feira (11/10), alertas das transmissões ao vivo das sessões e eventos de capacitação promovidas pelo TCE. No total, os vídeos disponibilizados pelo canal do Tribunal de Contas tiveram quase 65 mil visualizações desde a sua criação em agosto de 2013.

Os internautas podem acessar o canal do TCESP por meio do link www.youtube.com/tcespoficial para acompanharem ao vivo às sessões da 1ª e 2ª Câmara, que ocorrem nas terças-feiras, às 14h30 e 10h00, respectivamente; assim como as sessões ordinárias do Tribunal Pleno, que ocorrem nas quartas-feiras, às 10h00. É necessário realizar a inscrição no canal para recebimento das notificações de novos conteúdos e transmissões ao vivo.

.Redes Sociais

O Tribunal de Contas utiliza as redes sociais (vide infográfico ao lado) para divulgação de suas atividades com o objetivo de promover maior interação com cidadãos e jurisdicionados, além de fomentar a transparência pública.

DOE, Legislativo, 08/10/2016, p. 6