Notícias

SP bate recorde de produção de petróleo e gás natural
27/12/2016

 


A produção de petróleo e gás natural no Estado de São Paulo cresceu 15,4% no mês de setembro em relação a agosto. O resultado representa recorde estadual com um total de 432,4 mil barris de óleo ao dia (boe/d), equivalentes a 12,8% da produção nacional.               


Os dados constam da mais recente edição do Sumário Executivo de Petróleo, publicado pela Secretaria de Energia e Mineração do Estado de São Paulo. Em relação ao gás natural, foram produzidos 18,5 milhões de metros cúbicos por dia (m3/d), correspondentes a 16,7% da produção nacional.


O petróleo somou 316,3 mil barris ao dia (bbl/d), equivalentes a 11,8% da produção nacional. Ocupando a 3ª colocação entre os maiores produtores nacionais (atrás do Rio de Janeiro e Espírito Santo), o Estado de São Paulo poderá vir a ocupar a 2ª colocação a partir do próximo ano, segundo estimativas da Secretaria de Energia e Mine ração. Ao mesmo tempo, São Paulo é o maior consumidor de petróleo e gás natural do País.


Pré-sal avança A produção entre agosto e setembro deste ano representou aumento de 57,7%, em virtude dos resultados apresentados pelos campos de Mexilhão e Sapinhoá. A maior parte do total de 432,4 mil boe/d do Estado, verificado setembro, vem da Bacia de Santos, de onde são extraídos 110,3 mil bbl/d, originários do pós-sal, e 322,1 mil boe/d, dopré-sal. Os campos de Baúna, Mexilhão e Sapinhoá respondem por 98,5% da produção de São Paulo (o campo de Sapinhoá é responsável por 74,5% desse total).


 OE, Executivo I, 27/12/2016, P.IV