Notícias

Refluxo de água: Sabesp dá dicas de como proceder
01/01/2017

 

O retorno pelas tubulações pode ocorrer com água ou com esgoto

 

Com as pancadas de chuvas de verão, as galerias pluviais ficam cheias e, se o volume de água ultrapassar o limite, a água volta pela tubulação, fenômeno conhecido como refluxo de água.

Vale destacar que a água da chuva não volta pela tubulação de esgoto, porque são redes coletoras diferentes. O Estado é o responsável pela coleta de esgoto, nas cidades onde a Sabesp opera, e as prefeituras são responsáveis pelas galerias pluviais que coletam a água da chuva.

Na maioria das vezes, o refluxo de água ocorre devido a lixos e objetos que tampam os bueiros, impedindo o escoamento. Caso isso ocorra, a prefeitura deve ser acionada.

Caso esteja construindo, evite cometer o erro de ligar o ralo diretamente à rede coletora de esgoto ou direcionar a calha para o esgoto. Em dias de chuva forte, evite abrir a caixa de inspeção para escoar a água e mantenha sua caixa tampada e em boas condições. Para diminuir casos de refluxo, a Sabesp também orienta os clientes no momento da ligação de esgoto.

Em casos de vazamentos, entre em contato com a companhia pelo aplicativo "Sabesp_APP", e/ou nas centrais de atendimento pelos telefones 195 (Região Metropolitana de São Paulo) e/ou 0800 0550195 (municípios do interior e litoral).

#OperaçãoVerãoSP

Do Portal do Governo do Estado