Notícias

Prato saudável: dicas para começar o ano sem culpa
02/01/2017

 

Para não esquecer as promessas de ano novo, que tal colocá-las em prática já na primeira semana de 2017?

 

Durante o período de festas de Natal e Ano Novo, é comum que as pessoas abusem dos banquetes e literalmente "enfiem o pé na jaca", como se costuma dizer no jargão popular. Assim, as promessas de adotar hábitos mais saudáveis no ano que começa correm o risco de ficarem para depois ou mesmo caírem no esquecimento.

Para não deixar isso acontecer, o programa "Meu Prato Saudável" preparou algumas dicas para ajudar a controlar o exagero na hora da comida e oferecer opções mais saudáveis, eliminando um dos ingredientes mais comuns no início do ano: a culpa.

O programa é um modelo nutricional que serve como referência para uma alimentação saudável nas principais refeições do dia, para prevenir tanto a obesidade como o diabetes, os problemas cardiovasculares e o câncer. O programa leva em consideração a realidade brasileira, com a indicação de alimentos com os quais as pessoas já estão habituadas no seu dia a dia.

Confira abaixo algumas dicas para ter uma alimentação mais equilibrada e saudável:

- Ansiedade, pressão no trabalho e baixa autoestima costumam favorecer os abusos, por isso, tente separar as emoções e, quando for se alimentar, faça a escolha baseada nas características dos alimentos e nos sentimentos associados a eles;

- O mundo não gira em torno da alimentação. Existem outras formas de sentir prazer. Priorizar os momentos de lazer é fundamental e ajuda a diminuir o estresse do dia a dia;

- A prática de atividade física regular é fundamental para a manutenção do peso corporal adequado, e proporciona sensação de bem-estar. Depois de uma caminhada no parque, você não vai escolher ir num rodízio de carnes e colocar tudo a perder;

- A frase "diga com quem tu andas que eu direi quem tu és" tem todo o sentido. Se você convive com pessoas que têm hábitos de vida saudáveis, será mais fácil manter a linha;

- Seja um alquimista na cozinha. Permita-se experimentar ingredientes e inventar pratos diferentes. A ideia é se libertar dos alimentos prontos e investir nas refeições feitas com alimentos de verdade. Assim, você se distrai preparando a comida e não exagera na comilança;

Para saber mais sobre o programa, acesse o site do "Meu Prato Saudável".

Do Portal do Governo do Estado