Notícias

Treinamento para brigadistas inclui diferentes situações de risco
05/03/2017

 

Bombeiros realizam vistorias técnicas para averiguar as condições de segurança em prédios. A existência de uma Brigada é essencial

 

Todo prédio ou estabelecimento comercial do Estado de São Paulo precisa ter pessoas aptas para atuarem em situações de risco, como incêndios.

O treinamento para brigadistas em edificações aborda diversas técnicas, entre elas, a de lidar com equipamentos em diferentes momentos e tipos de fogo. Para cada situação, há uma estratégia específica.

Os ensinamentos dados a cada prédio mudam de acordo com o perfil da edificação. “O grau de risco do local determina se a brigada precisa de treinamento básico, intermediário ou avançando. Isso varia de acordo com a complexidade da construção”, explica o sargento Rodrigo Bortolo, do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo.

Para determinar o nível de risco e treinamento para cada local, o Corpo de Bombeiros segue as normas estabelecidas no decreto nº 56.819, de 10 março de 2011, no qual estão regulamentadas as diretrizes de segurança contra incêndio das edificações e áreas de risco no Estado de São Paulo.

O Corpo de Bombeiros também faz vistorias técnicas para averiguar as condições de segurança em prédios e locais de grande concentração de público.

Do Portal do Governo do Estado