Notícias

Alckmin pede mais R$ 10 bilhões para empréstimos do Estado
07/06/2012

 

DE SÃO PAULO

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), pediu ontem a ampliação do teto de endividamento do Estado em R$ 10 bilhões. Somando o limite autorizado no ano passado, o governo espera atingir R$ 17 bilhões em novos empréstimos.


Segundo o governador, o aumento é possível porque o Estado reduziu sua dívida ao equivalente a 140% da receita, abaixo do limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (200%). O pedido foi entregue ontem ao ministro Guido Mantega (Fazenda). A expectativa de Alckmin é que a resposta saia ainda neste mês.


O governador diz que metade deverá ser aplicada em obras de metrô e Ferroanel.


O tucano também propôs ao ministro a desoneração das PPPs (Parcerias Público-Privadas) como forma de destravar o investimento.


Fonte: Folha de S.Paulo/Poder