Notícias

Ampliação da Carvalho Pinto tem mais de 50% das obras concluídas
22/06/2017

 

Orçadas em R$ 322,8 milhões, melhorias proporcionam diversos benefícios à região do Vale do Paraíba, que recebeu a visita do governador

 

A ampliação da Rodovia Carvalho Pinto até Taubaté, via Rodovia Oswaldo Cruz, que vai trazer uma série de benefícios à região do Vale do Paraíba, está em processo acelerado de construção, com 53% das obras executadas.O local recebeu nesta quinta-feira (22) a visita do governador Geraldo Alckmin.

O prolongamento da Carvalho Pinto é mais uma opção de acesso às praias do Litoral Norte de São Paulo, em especial pelos moradores de Taubaté, e deve se tornar um dos principais meios para se chegar ao município.

Alckmin disse que a obra é estratégica por favorecer a logística e a mobilidade regional. “Quem vai para Ubatuba, para São Luiz de Paraitinga, rumo ao Litoral Norte, não precisar passar mais pela Dutra”, disse. O governador lembrou que nos fins de semana e feriados a Dutra fica congestionada e quem se dirige a Campos do Jordão, por exemplo, enfrenta grandes dificuldades.

“Prolongamos a Carvalho Pinto, no sentido Rio de Janeiro, com túneis, viadutos e toda a proteção ambiental”, afirmou Alckmin. A preocupação com a preservação do ambiente durante o desenvolvimento das obras foi destacada pelo governador. “Aqui em frente está a Mata do Bugio, totalmente preservada e com compensações ambientais”, ressaltou.

As obras incluem a construção de dois dispositivos de entrocamento, no início e no fim do percurso de 8,6 quilômetros de extensão, dois túneis, cinco pontes e oito viadutos, pistas duplas com duas faixas de rolamento e acostamento, separadas por canteiro central de 11 metros de largura.

“São 15 obras de arte”, disse Alckmin, referindo-se ao termo usado pela engenharia. Contando as conexões dos trechos já existentes com o prolongamento, a Carvalho Pinto terá mais 10,7 quilômetros de extensão.

“Quando você faz uma obra em área quase urbana você tem muito problema de conflito. Uma hora tem proprietário, outra hora desvio, questão do meio ambiente, então a obra foi contornando todos esses problemas. Ela está agora totalmente desapropriada, paga e num ritmo máximo. O lote 1 está quase pronto e estamos concentrando no lote 2 e no lote 3”, concluiu Alckmin.

Investimentos

Com previsão de entrega para março de 2018, a obra faz parte do Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado e está sendo executada pela Concessionária Ecopistas. Orçada em R$ 322,8 milhões, vai gerar 1.400 empregos diretos e indiretos e proporcionar diversos benefícios para a região.

Para os mais de 9,5 mil veículos que circulam diariamente pela Rodovia Carvalho Pinto, o tempo de deslocamento para o Litoral Norte deverá diminuir e os moradores de Taubaté vão ganhar um importante acesso para o município.

O prolongamento também resultará em reflexos para o fluxo de veículos pela Dutra com diminuição de tráfego no perímetro urbano, além de beneficiar os trabalhadores das indústrias locais e usuários das rodovias Ayrton Senna/ Carvalho Pinto.

Do Portal do Governo do Estado