Notícias

Litoral e São José recebem novos hospitais e centro de capacitação
13/10/2017

 

Saúde recebe R$ 200 mi na região e Estado investe em áreas de Transporte, Logística e Inclusão Social para gerar renda e emprego

 

Nesta sexta-feira (13), o secretário da Casa Civil, Samuel Moreira, visitou as obras de 10 clínicas do Programa Saúde em Ação no Litoral Norte e inaugurou o Centro de Capacitação Profissional do Fundo Social de Solidariedade, de Ubatuba.

O secretário comentou sobre os benefícios que estão sendo proporcionados na região, sempre com objetivo de atender a população, gerar emprego e renda. Ele citou os esforços nas áreas de Saúde, Logística e Transportes, além da inclusão social proporcionada pelas ações do Fussesp.

“Esse hospital que está sendo feito em Caraguatatuba vai atender toda a região. E não só em Caraguatatuba. Está sendo feito um hospital também em São Jose dos Campos, com 150 leitos, e aqui, para atender o Litoral Norte, com 200 leitos. Então são 40 UTIs aqui e 40 UTIs em São José dos Campos, tudo pra atender a população, isso custa 200 milhões de reais”, comentou Samuel Moreira, ressaltando a capacidade de investir do Governo do Estado mesmo diante da crise que o país enfrenta nos últimos anos.

“As Unidades Básicas de Saúde, custam, assim como as parcerias para fazer a Padaria Artesanal. Esse pólo, que amanhã terá também pólos na Construção Civil, áreas de Beleza e outras áreas também… Mas são esforços para incluir e poder formar pessoas, para fazer com que elas possam ter renda”, disse o secretário, que representou o governador Geraldo Alckmin na inauguração do centro de capacitação e citou o trabalho do Estado para superar a crise do país.

“O Brasil precisa de emprego e renda. As pessoas precisam ganhar o seu dinheiro para poder viver. E temos que ter esperança. Enquanto São Paulo se manteve de pé e sofre com as consequências da crise porque nós perdemos nos últimos três anos 26 bilhões de reais, mas tivemos que ajustar os recursos”, detalhou o secretário, citando ainda as obras da Nova Tamoios e do Rodoanel Norte, que sozinhas geram cerca 11 mil empregos diretos.

Do Portal do Governo