Notícias

Lançamento dos programas de Apadrinhamento Afetivo
28/10/2017

 


Resgatar o direito de convivência familiar e comunitária de crianças e adolescentes acolhidos com remotas perspectivas de adoção ou retorno à família – esse é o intuito do Apadrinhamento Afetivo. O/A padrinho/madrinha, voluntário que se dispõe a manter contato direto com o “afilhado”, pode sair com o jovem para atividades fora do abrigo: passeios, festas e datas comemorativas como Natal e Páscoa. Dessa forma, são vivenciadas experiências que auxiliam no processo de valorização da autoestima do acolhido. A iniciativa também busca reduzir o grau de vulnerabilidade de adolescentes, que, ao completarem 18 anos, saem dos abrigos sem nenhuma referência externa familiar. Mais de 65 comarcas no Estado desenvolvem esse trabalho. No início deste mês, Cabreúva e Taquaritinga também lançaram seus programas.


• Semente do Amanhã


O projeto Semente do Amanhã é direcionado a crianças e adolescentes entre 7 e 17 anos, acolhidos na instituição Lar Cristão. Para ser um(a) padrinho/madrinha, é preciso ter idade mínima de 25 anos; residir em Cabreúva por mais de dois anos; ter diferença de idade de 16 anos com o apadrinhado; e não estar habilitado no cadastro de adoção. As inscrições são no Setor Técnico do Fórum de Cabreúva e os interessados passam por uma avaliação social e psicológica, além de encontros preparatórios.


 


• Braços Abertos


O programa Braços Abertos abrange as cidades de Taquarituba e Coronel Macedo. Podem ser apadrinhadas crianças a partir de 6 anos de idade. Os interessados devem ter idade mínima de 21 anos, residir na comarca, ter pelo menos 16 anos a mais do que o apadrinhado e não ser postulante à adoção. Após avaliação social e psicológica, o voluntário habilitado receberá as orientações do Setor Social. Os primeiros contatos entre padrinhos e apadrinhados serão no


serviço de acolhimento. Havendo escolha mútua, serão liberadas as visitas externas. Além do Apadrinhamento Afetivo, há também o financeiro ou de serviços. Consiste em uma contribuição econômica para atender às necessidades do jovem ou, ainda, na realização de serviços na instituição ou fora dela, direcionadas à cultura, lazer, educação, saúde ou formação profissional das crianças e adolescentes.


 


Fórum de Cabreúva



Rua Adhemar Clemente Nunes, 11


Jacaré – Cabreúva


Informações: (11) 4529-4050


 


Fórum de Taquarituba


Av. Coronel João Quintino, 137


centro – Taquarituba


Informações: (14) 3762-1626


DOE - Seção I, p. II