Notícias

1º Batalhão de Choque de SP comemora 126 anos
01/12/2017

 

Para celebrar a data, governo do Estado anunciou contratação de 154 policiais para ampliar efetivo do batalhão, criado em dezembro 1891

 

O 1º Batalhão de Policiamento de Choque (BPChq) completou nesta sexta-feira (1) o 126º aniversário. O evento aconteceu na sede da unidade, no bairro da Luz, centro de São Paulo.

Para celebrar a data, novos policiais foram anunciados para a unidade. “Quero cumprimentar toda a Polícia Militar do Estado e principalmente a Rota, que neste ano já prendeu mais de 1.100 criminosos. Vamos ampliar o efetivo do batalhão com 154 policiais, um grande reforço visando fortalecer a segurança de São Paulo”.

O batalhão foi criado em 1º de dezembro de 1891 com o nome de 1º Corpo Militar de Polícia, após a divisão do Corpo Policial Permanente do final do império. “Hoje é uma data muito especial para a PM e para o Estado, o aniversário dessa unidade que é uma referência para segurança nacional”, ressaltou Mágino.

Além de parabenizar o batalhão, o secretário também falou da importância e a produtividade da Rota. “Desde o início do comando do tenente-coronel Ricardo Augusto Nascimento de Mello Araújo, essa tropa conseguiu derrubar todos os indicadores criminais nas áreas em que atuaram. Isso é sinal do respeito que o povo tem pela Rota e do receito que criminoso tem da tropa legalista, ordeira, que tem fibra, honra e coragem como seu lema e que não desaponta o cidadão de São Paulo”.

A unidade é subordinada ao Comando de Policiamento de Choque e possui quatro companhias, criadas em 15 de outubro de 1970 sob o nome de Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota). A tropa atua em todo Estado de São Paulo e, se necessário, apoia ações em qualquer lugar do país.

Operação Rota Total

Após o evento, os policiais saíram com as viaturas para diversos pontos da Capital. O comandante da Rota organizou uma grande operação para comemorar a solenidade.

Operações como essa, rotina no 1º Batalhão de Choque, já contabilizam mais de 62,8 mil abordagens e 14.507 vistorias em veículos, de janeiro a outubro deste ano. Ao todo, 1.100 pessoas foram detidas pela unidade este ano e 166 armas de fogo foram retiradas das ruas.

Do Portal do Governo do Estado