Notícias

Solicitação de passe escolar intermunicipal agora é digital
16/01/2018

 

Medida vale nas cinco regiões metropolitanas: São Paulo, Baixada Santista, Campinas, Vale do Paraíba/Litoral Norte e Sorocaba

 

A partir deste ano, a solicitação do Passe Livre ou Passe Escolar (meia tarifa) utilizado nas linhas de ônibus metropolitanas gerenciadas pela EMTU/SP passa a ser totalmente digital.

Os usuários que desejam obter o benefício precisam anexar os documentos exigidos digitalizados no momento em que preencher o formulário on-line no site da EMTU. Até então, apenas a revalidação do serviço era feita de maneira digital.

Para requisitar o Passe Livre por baixa renda, o interessado deve acessar o site, preencher o formulário de cadastramento com a composição de renda familiar, situação ocupacional e rendimento de cada membro da família, e encaminhar a documentação que comprove as informações.

Se a renda per capita for inferior a 1,5 salário mínimo (R$ 1.431,00), o cadastramento é concluído e é gerado o boleto no valor de R$ 21,35. Se não preencher os requisitos, a solicitação pode ser feita para o Passe Escolar com o pagamento do mesmo valor.

Tem direito ao Passe Livre ou ao Passe Escolar meia tarifa nas linhas metropolitanas gerenciadas pela EMTU/SP somente o estudante que residir em um município e estudar em outro. Já o professor que mora em uma cidade mas trabalha em outro município tem direito ao Passe Escolar meia tarifa.

Estudantes e professores terão direito à cota mensal de 48 viagens para o passe livre e de 50 viagens a partir de fevereiro, lembrando que em julho e dezembro, devido às férias escolares, é oferecida meia cota para o passe livre e 30 viagens/linha para meia tarifa. Todas as informações sobre a concessão do benefício estão disponíveis no link no site da EMTU.

Até o dia 15 de janeiro, a EMTU recebeu cerca de 29 mil cadastros de alunos e professores nas cinco Regiões Metropolitanas: São Paulo (22.163), Baixada Santista (2.475), Campinas (1.252), Vale do Paraíba/Litoral Norte (2.083) e Sorocaba (1.090).

A EMTU lembra que, para o estudante preencher o formulário, a instituição de ensino já deve ter cadastrado os dados do aluno no Portal da EMTU/SP, tanto para requisição quanto para revalidação do benefício.

Do Portal do Governo do Estado