Menu Superior

Conteúdo da página interna do sítio

Notícias
ONU inaugura escritório em São Paulo
10/5/2013

 

Espaço possibilitará a troca de experiências, práticas e políticas públicas entre a ONU e o Estado de São Paulo

 

O edifício Cidade IV, localizado na região central da Capital paulista, sediará o novo Escritório Compartilhado das Nações Unidas em São Paulo. A inauguração aconteceu nesta quinta-feira, 9, em cerimônia com a participação do governador Geraldo Alckmin, o coordenador residente do Sistema ONU no Brasil, Jorge Chediek e o diretor-executivo do Pacto Global da ONU, Georg Kell.

                                                                                                                 Fotos: Gilberto Marques



Alckmin inaugura Escritório Compartilhada das Nações Unidas em São Paulo


O Escritório possibilitará a troca de experiências, práticas e políticas públicas entre a ONU e o Estado de São Paulo, com a adoção de projetos que interessem à população. "Fortalecer organismos multilaterais é fortalecer o caminho da paz, o caminho da justiça, o caminho do respeito à pessoa humana. Nós podemos ter grandes trocas, bons projetos e boas parcerias", disse o governador.



Jorge Chediek, coordenador residente do Sistema ONU no Brasil recepciona o governador Geraldo Alckmin durante inauguração do Escritório Compartilhado da ONU em São Paulo


Neste primeira fase, o Escritório Compartilhado abrigará o PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), o UNODC (Escritório das Nações Unidas para Drogas e Crimes) e a Rede Brasileira do Pacto Global das Nações Unidas, iniciativa que busca encorajar empresas a adotar políticas de responsabilidade social corporativa e de sustentabilidade.

Plano de Ação da Macrometrópole

Durante a cerimônia, a Emplasa (Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano) e a ONU-Habitat - programa das Nações Unidas para assentamentos humanos - firmaram parceria para a realização conjunta da etapa decisiva do Plano de Ação da Macrometrópole (PAM 2013/2040). O Plano é uma ferramenta de planejamento para dar suporte à formulação e implementação de políticas públicas e ações de governo no território da Macrometrópole Paulista (MMP), que inclui 173 municípios.


A parceira com a ONU-Habitat permitirá à Emplasa conhecer e se apropriar de metodologias e instrumentos de domínio da entidade, para a mobilização e consulta de atores não governamentais, nacionais, regionais e locais, interessados no PAM. "A Macrometrópole de São Paulo representa dois terços da população do estado, três quartos do PIB de São Paulo e da população do Estado, o que exige planejamento, ações integradas e políticas públicas metropolitanas. É um desafio super importante", comentou Alckmin.



Do Portal do Governo do Estado

 

 

 

 

<<Voltar

 

 

Casa Civil - GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO