Alckmin libera R$ 10,3 milhões para obras de infraestrutura urbana em Itaquaquecetuba
28/09/2017
Os recursos são provenientes do Fumefi e serão utilizados em recapeamento e pavimentação de ruas
O governador Geraldo Alckmin assinou nesta quinta-feira, 28, seis convênios com a Prefeitura de Itaquaquecetuba para obras de infraestrutura urbana, no total de R$ 10,3 milhões de investimentos.
 
“São mais de R$ 10 milhões para recapeamento e ainda teremos mais R$ 4,5 milhões, que vamos assinar ainda este ano”, anunciou Alckmin.
 
Deste valor, R$ 4,9 milhões serão investidos no projeto de recapeamento daAvenida Ítalo Adami (trecho I), entre a Estrada de Santa Isabel e a Rua Uruguaiana. A avenida é uma das principais ligações entre Itaquaquecetuba e as cidades de Poá, Suzano, Ferraz de Vasconcelos e Mogi das Cruzes, além do Rodoanel Mário Covas.
 
Para o recapeamento parcial das Ruas Ferraz de Vasconcelos e Taubaté serão investidos R$ 2,2 milhões. As obras de reconstrução e recapeamento asfáltico perfazem um total de 11.882,68 m² e contarão, também, com recuperação de guias e sarjetas, recuperação de bocas de lobo duplas, entre outros.
 
Com investimentos de R$ 1,14 milhão, o projeto da Avenida Brasil terá obras de recapeamento e drenagem, e trará melhorias nas condições de tráfego da ligação entre o centro da cidade e os municípios de Poá, Suzano e Mogi das Cruzes.
 
Já o recapeamento e drenagem da Estrada do Campo Limpo – Trecho I, que receberá R$ 1,1 milhão, fará melhorias na interligação entre a Estrada do Mandi, a Estrada do Pinheirinho e o município de Suzano.
 
Também receberão recursos as ruas Francisco Otaviano e João Cabral de Melo Neto, no valor de R$ 608,2 mil para recapeamento; e a Rua 30 de outubro, de R$ 328,3 mil para complementação da pavimentação.
 
“As obras geradas por estes convênios atenderão mais de 87 mil pessoas. E vão gerar 575 empregos diretos e indiretos. O Fumefi é um importante instrumento social e de justiça tributária, que auxilia os municípios que mais necessitam. No ano passado, foram investidos mais de R$ 31,3 milhões por meio do Fundo”, explica o secretário-chefe da Casa Civil, Samuel Moreira.
 
O Fumefi, vinculado à Secretaria da Casa Civil, tem por finalidade financiar e investir em projetos de interesse da Região Metropolitana de São Paulo. A liberação dos recursos ocorre de acordo com o andamento das obras.